Veja minha participação no Jornal da Gazeta

May 19, 2017 |

Televisão

A 13ª Virada Cultural Paulista acontece entre as 18h de amanhã e as 18h de domingo. São centenas de opções espalhadas pelas ruas e praças do centro da cidade, pelos centros culturais periféricos, nas bibliotecas e nos teatros da Prefeitura. Programações para todas as idades. Tudo de graça. Em vários dos cerca de 40 tablados do centro haverá programação corrida durante 24 horas.
Os destaques vão para os shows do palco do Sambódromo do Anhembi. Daniela Mercury abre a Virada amanhã às 18h. Fafá de Belém entra à meia noite. E os Titãs fecham a festa às 16 hs de domingo. No Teatro Municipal a programação é tão variada, que tem a Orchestra Bachiana, de João Carlos Martins, se apresentando com a bateria da Vai Vai, às duas da manhã de domingo. Da frente do teatro sairão cortejos musicais, de duas em duas horas. Um deles vai coroar Vera Fisher como deusa da telenovela brasileira, e outro terá Tiago Abravanel e Gretchen juntos.
No palco do Anhangabaú serão apresentados trechos de musicais em cartaz. No sábado o destaque é Gota D’Água a Seco, com Laila Garin. No domingo, Wanderléa apresenta 60! Década de Arromba, e Zélia Duncan seu Alegria Alegria. Na Praça Don José Gaspar, só pianos. Nelson Ayres, Amilton Godoy, Eduardo Dusek, Simoninha e por aí vai até terminar com André Mehmari.
Enfim, tem rock, tem funk, tem hip hop, tem samba, tem stand up, tem circo, tem teatro e tem cinema noite afora. Sem contar as programações dos parceiros da Virada: todos os Sescs, o Centro Cultural Banco do Brasil, a Unibes Cultural, entre outros. E tem mais: os teatros distribuirão 4 mil ingressos gratuitos para seus espetáculos em cartaz.
Ou seja, neste fim de semana em São Paulo, só fica em casa quem quer. A programação completa está em viradacultural.prefeitura.sp.gov.br. Boa Noite.