Veja minha participação no Jornal da Gazeta

August 8, 2014 |

Televisão

Chico Buarque em dose tripla em São Paulo nos próximos dias! Tudo para festejar seus 70 anos. Pra quem gosta, um prato cheio. E quem não gosta de Chico? A Ópera do Malandro, em nova montagem, estreia hoje no Centro Cultural Banco do Brasil. São 18 atores em cena cantando as 16 canções do musical, num enredo inspirado em Brecht, que já tem 36 anos, e continua atual: poder e corrupção. A criação e direção é de Kleber Montanheiro, que também interpreta a famosa Geni. As canções são todas lindas. É só lembrar de Pedaço de Mim e O meu amor. Serão 22 sessões, de quarta a segunda, até o meio de setembro.
Outra estreia de hoje é Todos os Musicais de Chico Buarque em 90 Minutos, no Teatro FAAP, em Higienópolis. É uma homenagem de Charles Möeller e Claudio Botelho, que já montaram Chico três vezes. Cenas dos seis musicais de Chico somadas às músicas dos seus três filmes contam a história de uma trupe teatral. Tem Sem Fantasia, de Roda Viva, Tatuagem, de Calabar, Teresinha, de Ópera do Malandro, Basta um Dia, de Gota D’água, e muito mais. Até 7 de setembro. Um CD será lançado pela Biscoito Fino, com as canções do musical.
Finalmente, no dia 14 estreia uma nova montagem do Grande Circo Místico, sobre música de Chico Buarque e Edu Lobo, que também faz 70 anos. A primeira montagem, no começo dos anos 80, do teatro Guaíra de Curitiba, era um balé clássico. A música é lindíssima. Temas como Ciranda da Bailarina ou Beatriz são inesquecíveis. Essa trilha é que inspirou a versão atual, transformada em musical, com texto de Alessandro Toller e Newton Moreno. São quase 20 pessoas em cena, sob a direção de João Fonseca. No Theatro Net até o fim de setembro. Aproveitem. Boa Noite.



Dando um empurrão no destino

August 7, 2014 |

Ponto de Vista

Lucas
Lucas Bernardo da Silva, spalla da Orquestra Jovem do Estado de São Paulo. Foto:Heloisa Bortz/Divulgação

Caros, o Marcelo Araujo disparou para os amigos esta história de superação, que merece apoio. Um talento que nasceu do Projeto Guri e agora pode ir estudar em Amsterdam, e servir de exemplo e esperança para tantos outros jovens brasileiros, que podem deixar a condição de vulnerabilidade através do talento musical. Eu já dei a minha ajuda, e muitos outros, como o Julio Landmann, também já deram. Vejam o que podem fazer pelo Lucas. Fico pensando que, se cada um dos meus quase 2.500 amigos que tenho no Face depositar R$10,00, dá pra pagar mais da metade da despesa de um ano, para este garoto se aperfeiçoar com os melhores professores do mundo. Leiam a carta do Marcelo, e a do próprio Lucas, vejam as fotos dele com os pais. Dá vontade de ajudar.

Carta de Marcelo Mattos Araujo:
“Caros amigos e amigas,
Muitas vezes nos deparamos com situações de vida que são exemplos de superação e dedicação. O Lucas estudou violino desde criança no Projeto Guri e depois na Escola de Música Tom Jobim – EMESP. Hoje ele é o primeiro violino da nossa Orquestra Jovem e está para concretizar seu grande sonho. Ganhou uma bolsa para fazer graduação no Conservatório de Amsterdam, onde começará a estudar em setembro próximo.
Para ajudá-lo a se sustentar nesse período, foi organizada uma campanha de arrecadação de fundos.
Pediria a leitura da carta, na qual o Lucas se apresenta e indica suas necessidades, bem como as maneiras de ajudá-lo.
Ficaria muito grato pelas colaborações que vocês pudessem lhe destinar. Elas certamente farão uma imensa diferença no destino de um adolescente brilhante e batalhador.
Por favor, também agradeceria se pudessem ampliar esta campanha junto a seus amigos e familiares.
E para quem quiser ter o privilégio de ouvir o Lucas ao vivo, ele participará do concerto que a Orquestra Jovem fará na Sala São Paulo, no próximo dia 17 de agosto, domingo, às 19h30, antes de partirem para a Europa, onde farão apresentações na Holanda e no Festival Berlioz, na França.
Muito obrigado e grande abraço,
Marcelo Mattos Araujo”

Carta Lucas Bernardo Silva