Veja minha participação no Jornal da Gazeta

April 28, 2017 |

Televisão

A arte engajada da mineira Teresinha Soares é destaque no Masp, com grande mostra individual. Desde os anos 60, Teresinha apresenta um trabalho transgressivo e contestador, voltado para questões relacionadas à condição feminina. Mas só agora sua obra começa a ganhar destaque no circuito internacional. Teresinha ficou sem expor por 40 anos. E esta é sua primeira mostra em museu.
O documentário “Guarnieri” estreia no dia 03, no Centro Cultural São Paulo, como parte da Mostra Itinerante Histórias que Ficam, da Fundação Companhia Siderúrgica Nacional. O filme conta a trajetória do ator e autor Gianfrancesco Guarnieri, que morreu em 2006. Guarnieri foi fundamental na história do teatro brasileiro, inaugurando o teatro engajado. Seus filhos Flávio e Paulo, também atores, assumiram um distanciamento entre arte e política. A partir dessas atitudes opostas, o diretor Francisco Guarnieri, neto do ator, procura refletir sobre o papel do indivíduo na sociedade, na arte e na família. Francisco Guarnieri e a diretora Cibele Forjaz comandam um debate após a estréia. A entrada é gratuita.
Na Sala São Paulo, a soprano alemã Diana Damrau e o baixo-barítono francês Nicolas Testé, dois nomes reluzentes da cena lírica atual, abrem a temporada 2017 do Mozarteum nos dias primeiro e 2 de maio. Acompanhados pela Orquestra Acadêmica Mozarteum Brasileiro, eles interpretam árias de Verdi, Rossini, Carlos Gomes, Gounod e Gershwin.
E o Maio Fotografia no MIS, em São Paulo, apresenta sua sexta edição com três exposições: os vencedores do quarto Flamob (Festival Latino-Americano de Mobgrafias), que são fotos feitas com smartphones; Avessos e Paradigmas, que reune as primeiras mobgrafias de fotógrafos veteranos como German Lorca, Maureen Bisilliat, Nair Benedicto e Penna Prearo; e “A Arte da Observação Urbana”, com ensaios do coletivo Hikari Creative. Boa Noite.